domingo, 26 de junho de 2011

Nadinha de nada

Sabem, eu descobri nesse feriadão muitas coisas principalmente ao meu respeito.
Quatro dias sem fazer absolutamente nada é uma coisa de outro mundo - inicialmente. Porque ficar sem fazer nada mas ir viajar para ficar entre amigos é uma coisa... agora ficar em casa sem fazer nadinha de nada é algo que eu achei que nunca conseguiria. A solidão não é muito meu forte, apesar que muitas vezes a vida me força a isso. Mas digo-lhes que consegui e com muito louvor.
Lógico que em dado momento eu achei que podia pirar, pois dormir, comer e beber não é tão fácil assim, povo. Nesse meio tempo entre comes, bebes e domidinhas, existem pensamentos de todos os tipos que passam pela nossa cabecinha. E gente!! Isso pode consumir muita, mas muuuuita energia. Não é a toa que o ditado "mente fazia oficina do diabo" cai tão bem nessas horas.
Mas ficar sem fazer nada, colocar as idéias em ordem, descansar o corpo e principalmente nutrir a mente com absolutamente NADA faz muito bem de vez em quando. Eu mega recomendo isso.
Ah! Recomendo também tarde de pagode com pessoas especiais, dia de arrumação de casa em família, filminhos entre guloseimas alone, cervejnhas com amigas para simplesmente papear, aulas on-line de italiano..... passeio no shopping para bater perna e sair de mãos vazias! hehehe