terça-feira, 27 de dezembro de 2011

Hoje

Hoje eu decidi viver mais o HOJE, o presente. 
Às vezes a gente sofre tanto pensando no amanhã ou o que pode acontecer que deixamos de fazer tanta coisa.
Bom, eu sou muito assim. E percebi que sou muito mais feliz deixando as coisas acontecerem naturalmente. Como diz um pagodinho da vida: "Deixa acontecer naturalmente... eu não quero ver você chorar, deixa que o amor encontre a gente. Nosso caso vai eternizar!" Ahh Eu adoro um pagodinho desses......

Só preciso organizar melhor minhas idéias e tocar em frente. Seguir adiante. Definir melhor meus objetivos e a partir disso viver o hoje em busca do meu querer. Em busca de mim mesma. Afinal eu não tenho nada nessa vida além de mim mesma. Lógico que tenho minha família e amigos. Mas eles não são dependente de mim. Somente caminham ao meu lado, me apoiando e me alegrando. Pode se querer coisa melhor?! 


segunda-feira, 26 de dezembro de 2011

.)

Eu ADORO essas frases e imagens que a gente encontra nos Tumblr da vida......
Sempre tem algo interessante, belo e que ajuda. Às vezes eu acho que estou abrindo aquele livrinho Minutos de Sabedoria. Que fala o que a gente precisa ouvir....
A frase de hoje foram essas duas aí.... AMEI!!!! Ok, é super menininha, né?! Mas o que eu posso fazer ?! Tem certas coisas que não dá para fugir!!!!! .)

Se uma garota é estúpida o suficiente para continuar te amando depois de você a ter magoado, Eu te garanto que É ELA A GAROTA.

Mulheres! 
Seu corpo faz você ser sexy,
Seu rosto te faz linda,
Seu sorriso te faz maravilhosa
mas sua mente te faz BONITA!!!

terça-feira, 20 de dezembro de 2011

Será que rola ser para ontem?!?!

Esses dias eu andei pensando sobre o quão ansiosas são todas as pessoas. E quando eu digo todas é porque são TODAS mesmo.
Eu, paulistana, que vivo numa grande metrópole e amo conversar com pessoas aleatoriamente, percebo que todo mundo sofre desse mal. Como pode?! Realmente é o mal do século XXI. 
Agora eu pergunto: De que me adianta ficar pensando e querendo tudo para ontem, se eu sei e tenho a sã consciência que tudo nesta vida acontece na hora certa e na hora que tem que acontecer?!
Mas cada um tem sua forma de compensar a ansiedade. É gente, somos todos descompensados... Esse termo não é muito legal para ser usado aqui... chamar alguém de descompensado é bem rude. Mas foi só essa palavra que eu encontrei que consegue nos descrever. 
Esse desconforto emocional atinge muito nossa qualidade de vida. E eu sei que precisamos achar o que nos gratifica para diminuir esse estresse. 
Tem gente que fala incessantemente, outros compram incansavelmente, alguns comem indigestamente, há aqueles que não come um grãozinho se quer quando estão no ápice da ansiedade. Ainda encontram-se casos médicos causados pelo elevado nível e nervosismo que se transforma em angústia, depressão e outras cositas más. Bom, cada um do seu jeito, cada um da sua forma leva isso consigo mesmo. Eu vou tentar 'curar' esse meu desagradável sentimento escrevendo
Vamos ver se dará certo!! Eu vou torcer! :)  E torcer para que cada um encontre seu 'bem-estar' também!



      E que fiquemos ansiosos com glamour!!!                            
                                                  
                                                                                                                         

segunda-feira, 19 de dezembro de 2011

Uooouuuuuuu

E agora mudando um pouco o foco, porque falar só de bussiness não tem tanta graça.

Sabe aquela ansiedade que bate na gente?!?! Então... to assim. Mas não é pouca coisa não. 
É muita. 
Essa semana tem alguns eventos pendentes na minha vida que infelizmente não dependem somente da minha perseverança, boa vontade e determinação. Como muita coisa nesta vida, depende também de outros e o que me resta é esperar. 

Ainda tem final de ano que sempre nos traz esperanças. Eu vou passar uma semana muito diferente. Vou viajar com minha família para o Peru. Somente eu, mamãe e papai. Vamos comemorar a entrada de ano em Cusco e aproveitar para conhecer um pouco da cultura inca-peruana. E isso está me trazendo muitas expectativas também. Mas aí são expectativas muito boas. Porque viajar está entre os TOP 5 da minha lista de coisas preferidas. Todavia, viajar com família nem sempre é tão fácil, né?! Não, minha gente, eles são d+. São ótimos mesmo. Mas é aquilo, pega para você e verá o que é bom. hahahahahahahaha
Mas falando sério agora, eu não troco os meus pais por nada. Já sei como funcionam... o que dá ou não para fazer. Só temos que saber administrar, né?! Como tudo nesta boa vida, buscavida, vida minha...

Mas o que mais me mata é a ansiedade!! Respira FUNDO Marianna e vamos lá!!! :)

"Sorria sempre. Seus amigos merecem. Seus inimigos precisam."


Mais Resumão - Geral do que vem por aí

Bom, dito um brevemente um geralzão sobre o que se passou entre EUA e Europa, ainda tem China e as commodities que nos geram dúvidas.
Com a fraqueza dos EUA e Europa, as exportações chinesa devem desacelerar ainda mais, como mostram os últimos dados econômicos.
Os fundamentos mostram que o pico de crescimento da China já atingiu o máximo, tanto pelos investimentos passados, quanto pela desaceleração dos principais parceiros comerciais. Daí que entram as commodities e sua vulnerabilidade. Se a China decidir que não construirá mais fábricas, o consumo de commodities para construção de infra-estrutura reduzirá. Porém continuarão a consumir commodities para produção de bens e manufaturados e alimentação.

Ainda tem risco geopolítico dos países do Oriente Médio que vivem em alerta de guerra (se não em guerra) e as tensões em relação ao petróleo.

Fora isso, ainda tem os fenômenos naturais que não podem ficar de fora. Ela mesmo!! La Niña voltou!! Esse fenômeno climático que se refere a temperaturas mais frias que as normais no Oceano Pacífico e precipitações acima do normal no sudeste asiático, no norte e leste da Austrália e maior chances de ciclones tropicais. Isso tudo que La Niña pode proporcionar ao planeta Terra gera um grande impacto na produção de commodities. Mineradoras, agricultores e criadores de gado estão bem preocupados com a dama do tempo.
Ainda tem meteorologistas que acreditam a "Oscilação do Ártico" podem ser importantes para determinas temperaturas nos próximos meses, como o rigoroso frio que atingiu parte dos EUA e pode acabar com algumas plantações.

Eventos naturais, tem ocorrido mais frequentemente que imaginávamos e o risco desses tem sido ignorados. Mas os impactos econômicos e financeiros que atingiram o Japão por exemplo em março de 2011 vão além das fronteiras do país afetado. Por isso planejamento para catástrofes naturais começam a tornar também parte importante para formulação de estratégias. 

Isso nos deixa também uma lição importante: VAMOS NOS PREPARAR PARA O INESPERADO.















O Cisne negro é uma expressão cunhada por Nassim N. Taleb autor do livro A Lógica do Cisne Negro que é algo que não se consegue prever.  Esse livro é muito lido pelo pessoal do mercado financeiro.

sexta-feira, 16 de dezembro de 2011

Resumão: Perspectivas políticas e econômicas para 2012

Aqui vai um breve relato sobre o que precisamos saber para entender um pouco mais essa tão preocupante crise. 

Então vamos por partes. Já que temos que nos inteirar no mundo econômico e político para tentarmos imaginar um  futuro financeiro mais seguro, vamos devagar. Primeiro o risco político.

Toda essa incerteza que ainda vigora em 2011 e irá perpetuar em 2012 começou em 2007 e chegou com tudo em 2008, que atingiu EUA com a quebra do banco Lehman Brothers.
De lá para cá, as dúvidas e incertezas da riqueza mundial e a capacidade de gerarmos renda só tem aumentado. Dívidas infinitas e mundo gerando menos renda. Como pagar? O ideal é todos trabalham, ganham, e gastam. Mas produzindo menos, trabalha-se menos e ganha-se menos ainda. Como gerar riqueza? Ou como estimular a economia? Primeiro achamos que EUA daria calote, depois Europa e China. Mas chegou mesmo a vez da Europa. O foco é o velho continente. Entrou na fila dos endividados e não saiu mais. Precisam achar uma solução para os países da Zona do Euro, encontrar políticas monetárias, fiscais e comercial para toda a região.

O político do econômico ficou difícil de separar. A solução para a crise depende de medidas fiscais que busquem a recuperação econômica. Todavia, as munições monetárias e fiscais estão se esgotando. E além de tudo, o risco político não diminuirá tão logo, já que haverá eleições nos próximos anos de países que representam quase a metade de todo o PIB mundial. (uiiii!!! isso é realmente muito dinheiro!!!). Anos de eleições são vistos com cautela, uma vez que os políticos arriscam tudo para continuar no comando. 2012 é a vez de sabermos se Obama continuará o todo-poderoso do mundo, se a França ainda terá a mais bela 1ª dama, com Sarkozy no comando e ainda tem a troca de líder na China. 

Estudando o passado, vemos que em tempos de crises de dívida, o sistema político se torna dividido e fragmentado. 

E além de tudo nunca foram feito tantos protestos e revoltas populares ao redor do mundo como agora. São distintos um do outro, mas possuem algo em comum: cidadãos comuns que sentem que uma pequena minoria tem sido beneficiada em detrimento de outros por culpa do sistema político e econômico.

Bom, isso é um resuminho desse livro aí. Espero que dê para entender pelo menos o básico. 
Depois posto mais coisas...afinal é globalização, minha gente. E as informações são infinitas!! 


"A maldição da desalavancagem é a desaceleração econômica." Essa frase mostra que o mundo cresceu fazendo dívidas, e agora precisamos pagá-las. Mas como fazer isso sem gerar mais dívida? Sem nos endividarmos não conseguimos investir mais e assim gerar mais bens, produtos e serviços. Teremos que frear o crescimento... mas o quanto isso será ou não saudável para as finanças mundiais. Eis a dúvida que paira no ar. Empresas, famílias, nações conseguirão sobreviver intactas??? Espero mesmo que sim!!!


Expressividade!

Desde o início do ano de 2011 tenho me perguntado como posso fazer algo diferente na minha vida.
O que poderia fazer a mais para aprender, ajudar ao próximo e me ocupar de forma diferente.
Procuro sempre fazer leituras sobre diferentes temas e as vezes sinto muita vontade de partilhar isso...

Então é assim que será...... Compartilharei diversos assuntos. Desde ligados ao meu trabalho (mercado financeiro) até meus gostos particulares e curiosidades .
Que assim seja!