sexta-feira, 14 de dezembro de 2012

É...

Às vezes, quando a gente faz besteiras e se arrepende, mas se arrepende muito do fundo do coração... Ficamos pensando e pensando para tentarmos nos entender e achar algo que nos levou a tal devaneio. 
Esse processo de auto-entendimento pode levar dias, pode levar anos ou de repente levar horas. Tudo depende das suas respostas internas e o quão cavamos dentro no nosso coração para tentarmos encontrar. Depende da auto-compreensão e de quanto nos conhecemos e estamos dispostos a nos abrir.
Outro grande problema nisso tudo é a indecisão das atitudes a serem tomadas daqui para frente. O que fazer ou não. O tempo que gastamos para tomar tal decisão é o que nos faz sofrer, é o que nos trás ansiedade. Tudo é aprendizado. Temos que sentir tais sentimentos, porém temos a certeza também que quando tudo for decidido, podemos seguir em frente e seguiremos em paz. É por isso que eu adoro pessoas decididas. Elas sofrem menos. 
O tempo passa, as emoções se acalmam, a cabeça volta a pensar, e o coração volta a falar. Quando tudo isso se une, fica mais claro encontrar respostas dos erros e fica mais fácil entender nossas motivações. Nem sempre conseguimos respostas plausíveis, nem sempre são aquelas respostas simples de dar ou fáceis de entender. Ou as vezes até são, mas não soam tão simples assim. Porém, sendo respostas honestas e sinceras, dadas com amor e carinho a nós mesmos, são aquelas que se fazem compreendidas, sejam elas com palavras ou sejam com atitudes...
Somente o seu melhor momento te mostrará qual será seu caminho!

Boa caminhada e beijos.

Não esqueça de sorrir :)


quarta-feira, 5 de dezembro de 2012

Pense sempre!

Alguns dias de nossa vida, parecem que estão totalmente tortos.
Parece que tudo que fazemos está errado e que nada flui como gostaríamos. A perfeita contrariedade que tanto relutamos. 
Tanto combate para nada, porque quando a vida decide que assim será, nada faz ser diferente.
Um oceano de emoções
Eu procuro sempre tentar aproveitar o melhor dessas mensagens. O único problema é que quando estamos totalmente envoltos nestas situações, é muito mais difícil fazer uma análise com diferentes pontos de vista. Tendemos a nos lamentar e chegamos até a fraquejar. Mas o mais impressionante que eu vejo nisso tudo, é que tendemos a repensar, pensar e refletir. E quanto mais fazemos isso, mas forte ficamos, pois vamos absorvendo toda a ideia e vamos nos acostumando. Começamos a perceber nossas falhas e assim, encontrando nossos caminhos. Queremos evoluir e ser melhores. Buscamos da tal felicidade de novo, e é aí que me pego com pensamentos alegres. Noto que tudo são dias... e dias duram somente algumas horas. Meus melhores momentos duram muito mais que isso. E com pensamentos fortes e sempre lá na frente, em busca do melhor, percebo também que não há como haver tantas contrariedades. 
O pensamento nos leva para nosso melhor caminhar. São nossos pensamentos positivos e alegres que conduz onde queremos chegar, e o que queremos ser :) .


quarta-feira, 31 de outubro de 2012

O manifesto Holstee

Eu já havia lido essa mensagem centena de vezes, e hoje navegando pela internet, achei a história que se deu origem.
Basicamente foi um grupo de pessoas, apaixonados por bikes, que criaram um manifesto com o ideal de construir um estilo de vida pedalando.
Achei tão maneiro!





Aí vai a tradução:

Essa é sua vida. Faça o que você ama, e faça com frequência.
Se você não gosta de algo, mude.
Se você não gosta do seu trabalho, saia.
Se você não tem tempo suficiente, pare de ver TV.
Se você está procurando o amor da sua vida, pare;
Ele estará te esperando quando você começar a fazer coisas que ama.
Pare de analisar tudo, todas as emoções são lindas.
Quando você comer, aprecie cada última mordida.
A vida é simples.
Abra sua mente, braços e seu coração para coisas e pessoas novas, estamos unidos em nossas diferenças.
Pergunte a próxima pessoa que você ver qual é a sua paixão, e divida seu sonho inspirador com ela.
Viaje com freqüência; se perder vai ajudar a se encontrar.
Algumas oportunidades vêm somente uma vez, segure-a.
A vida é sobre pessoas que você encontra e as coisas que você cria com elas então saia e comece a criar.
A vida é curta.
Viva seu sonho e divida sua paixão.

Tenha uma ótima vida! :) 


Be free

Liberdade! Nossa... como é delicioso ser livre. 
Fazer tudo que bem entendemos e assim viver! 
Certamente quando sentimos o gosto da liberdade, não queremos mais outra coisa. A mesma coisa acontece quando fazemos 18 anos e nos achamos assim: tão independentes e donos do mundo. Uma verdadeira superação!
E é assim que se qualifica a liberdade: a independência do ser-humano. Contudo isso acarreta grande responsabilidade. 
Somos livres para fazermos o que bem entendemos mas somos mais ainda responsáveis pelas nossas atitudes. E talvez por isso as vezes me questiono o quanto somos livres de verdade, já que no fundo temos algumas amarras. De repente, nem sejam amarras, de repente sejam apenas abdicações e concessões que temos que fazer. Pura escolha mas que eventualmente podem nos causar dúvidas. 
Liberdade pode ser fazer o que bem entendermos, mas pode ser também que alguém faça nossas escolhas. Liberdade é sim agir de acordo com a nossa natureza. Mas vivemos em sociedade e temos os valores morais e os princípios ideais do comportamento humano, ou seja, a tão comentada ética, para nos limitar.
Albert Einstein tem um pensamento bem sucinto sobre o tema: Não creio, no sentido filosófico do termo, na liberdade do homem. Todos agem não apenas sob um constrangimento exterior mas também de acordo com uma necessidade interior.
Sim, por isso temos sempre procurar a liberdade nos nossos sentimentos. Sejam quais eles forem. Até mesmo aquele sentimento de querer fazer as vontades alheias. Os nossos sentimentos sempre vão nos libertar, porque é aí que está a essência individual de cada um. Podemos até nos espelhar naqueles que estão mais próximos, mas isso acontece somente por um período... e esse período depende somente do tempo de cada um. No final, nossa essência é o que manda nas nossas atitudes. Independente de qualquer liberdade ou libertinagem. A essência sempre sobressai.
A essência que exala do nosso interior mostra para o mundo quem realmente somos. Sem máscaras. E isso é pura liberdade. Seja sempre você e encontre a sua.







Que o livre-arbítrio os acompanhe :)

quinta-feira, 18 de outubro de 2012

Pensamento livre.....

Eu estou vivendo uma das fases mais gostosas já vividas por mim até hoje. É tanta empolgação e calmaria no meu coração que fica até confuso para expressar.
Sei que alguns setores da minha vida já está encaminhado. E isso significa menos ansiedade, menos preocupação.
Mas o que mais importa mesmo é sentir. Sentir tudo ao mesmo tempo me mostra que ainda existem sentimentos em mim a ser desvendados o que certamente me traz mais empolgação em saber que sempre posso mais. E isso é demais. Me engrandece, me faz feliz, me faz viva.
Posso experimentar novas coisas, posso viver novas experiências, aprender e posso principalmente me doar mais. Posso agradecer mais. Muito mais. 
Pode ser sorte tudo isso. Ou pode ser merecimento, pois acredito no aqui se faz, aqui se paga. Pode ser os 2 motivos. Mas independente, sempre  acreditei que algo melhor ainda estava a minha espera. Então, pode ser fé também.
Agora sei que qualquer que seja o final, devemos sempre nos empenhar e dar nosso melhor durante todo o caminho, com atenção foco, determinação e bondade. 
" Me ame quando eu menos merecer, porque é quando eu
mais preciso."  Proverbio sueco
As vezes podemos até nos desanimar e nos deixar abater por acasos da vida, mas nunca devemos deixar de acreditar. Nem deixar de sermos nós mesmos. Ou mesmo nos deixarmos desviar pelas facilidades. Pode ser que tudo seja muito mais fácil para o outro. Pode ser que seja simples para você, ou não. Então faça sempre o seu melhor. Esteja sempre pronto para doar o máximo que puder, assim, somente o melhor virá até você.


Que o melhor sempre os acompanhe! :)

segunda-feira, 8 de outubro de 2012

Não quero saber......

E porque existe alguns porquês que são inexplicáveis? 
Tudo seria muito mais simples se soubéssemos todas as respostas. Mas as vezes caio em contradições, pois se assim fosse a vida, talvez seríamos tão mais preguiçosos e acomodados. E então me questiono: vale todo o sofrimento? Para que tudo isso? Realmente é necessário ficarmos com tantas perguntas sem respostas. Simplesmente aceitar e pronto. Porque? Porque deve ser assim e já é. Realmente viveremos eternamente nessa ambiguidade, tentando sempre o equilíbrio e buscando sempre uma resolução para qualquer sentimento, questionamento, situação e até mesmo para o cotidiano, para o mais simples e rotineiro. 
Tenha fé e acredite sempre em você
Mas hoje vivo mais acreditando que todos esses poréns na nossas vidas é o que nos motiva e nos faz crescer. São todas as perguntas sem respostas e todos os sentimentos vivenciados que nos permite e nos dá condições de buscarmos o tão querido equilíbrio. E nos faz capaz de nos fortalecermos, sempre com grandes e importantes aprendizados para passarmos adiante. Afinal, são esses aprendizados que serão doados para aqueles que mais necessitam. Isso sim é o que deixaremos aqui para sempre.
Acho que viver de perguntas indecifráveis não pode ser tão perturbador assim. Basta somente que saibamos administrá-las... mas principalmente, que mantenhamos nossos corações e mente abertos para qualquer tipo de resposta que surja no caminho.

Que as interrogações os acompanhe :)

Beijossssss

sexta-feira, 21 de setembro de 2012

Leve a vida leve

"A vida pode ser trágica às vezes, e eu tive a minha parte. Mas após tudo que acontece com você, você tem que manter a atitude um pouco cômica. Na análise final, você não pode esquecer de rir." Katharine Hepburn

E com essa frase aí ficou mais fácil de expressar que realmente rir dos nossos problemas, erros e dramas torna sim tudo mais fácil. Tudo bem que não posso encarar muitas tragédias na minha vida. A vida tem sido bem boazinha comigo. Mas mesmo assim não deixamos de ter aqueles dias de pirações, incertezas e chatices. 
"vida é uma grande festa cheia de surpresas"
O bom-humor torna tudo tão mais leve. Tudo tão mais agradável... E olha que eu acordo num humor bem duvidoso... mas bem duvidoso mesmo.... hehehe Mas eu acho que conforme o dia vai me acolhendo e me abraçando eu só consigo perceber que a vida não poderia ser tão bela. Nada poderia ser diferente. Nada seria tão suave e doce quanto é hoje. 
Sei que as tragédias do passado ajudaram a nos tornar o que somos e quem somos hoje. Mas tenho a certeza que também as alegrias, o amor, respeito e carinho além de todas as escolhas que fazemos e faremos, fazem parte desta lista que envolve nosso ser. Mas, muito mais que o passado, somos mais ainda nosso futuro e principalmente nossos sonhos, como já citou Terry Hostetler: "Eu não sou minhas memórias. Sou meus sonhos."
No fundo, ser nossos sonhos é o que nos move, nos movimenta... e é também o que faz nossos olhos brilharem. Sempre sonhamos com o melhor, com o agradável e portanto sempre vamos rir. Isso se torna um ciclo tão vicioso que pode-se tornar impossível a cura. Eu quero esse vício na minha vida. Rir das dificuldades e desafios e seguir em frente. Mas quero também discernimento para aceitar tudo que recebo para poder evoluir. Rir, nos divertir, e pensar positivo sempre trás facilidade qualquer que seja a situação. E isso por si só já faz tudo se resolver.
Quando estamos leves, temos a sensação de flutuar... E como deve ser bom não sentir-se preso à nada, nem à gravidade!!!!

Que os risos os acompanhe :)
Beijos leves....

terça-feira, 11 de setembro de 2012

Doce, doce, doce...

Salve a Terra. É o único planeta que tem chocolate
Quem nunca teve vontade de abrir a cabeça de alguém para tentar enfiar lá dentro alguma coisa?! Ou quem nunca ficou horas pensando em como ajudar aquele outro que tem um problemão?! Ou querer falar mil verdades para quem está fazendo um montão de besteiras?! Quem nunca se revoltou com todos os problemas do mundo e quis fazer N coisas?! QUEM NUNCA?! Bom, eu sou muito assim. 
E não me conformo com várias cenas que vejo no mundo... e ainda tenho que fazer cara de paisagem e fingir que não vejo muitas coisas. Isso é uma das coisas mais complexas que eu posso fazer. Sempre a SuperSincera quer pular de dentro de mim. Controla-lá pode ser bem desafiador.
Coisas simples como aceitar e ser tolerante às desavenças da vida já me faz sentir mudando o mundo ou fazer dele um pouquinho melhor.
Afinal, se pensarmos que somos como as Ações a menor parte de uma empresa (é porque trabalho com isso... então a relação vem a calhar), mas que temos um potencial grande de valorização se trabalharmos para isso, e todas as ações juntas formam 100% do capital total e exatamente por isso, cada um de nós podemos sim fazer a diferença. Lógico que não estou aqui para dizer que todos devemos ser iguais, ou ainda que tenhamos que ter pensamentos bem próximos. Isso seria entediante demais. Nossa!! Muito entendiante. Não tem a ver comigo, nem com as idéias que tenho. Adoro discutir, gosto de novas idéias e saber que eu penso e tenho opinião. Uma só minha que eu mesma formei. Acredito que seja uma das poucas coisas nesta vida que pode ser somente nossa e de mais ninguém.
O mundo ideal seria todos juntos em prol do comum. A favor do coletivo. Não sempre, nem muito menos em todos os momentos. Mesmo porque desta forma não sobraria objetivos e metas para traçar e assim alcançarmos. Mas como sempre, encontrarmos o equilíbrio entre nós e o restante. Tolerância, paciência e auto-análise acredito que sejam fundamentais essa busca.
Eu ainda aposto na troca de idéias, experiências e vivência. Isso para mim me faz muito bem, e me faz perceber o quanto podemos aprender um com o outro. Me traz maturidade e me faz mais compreensiva. E esse câmbio de sentimentos e ideais acontece independente do tipo e do grau de relação que temos com cada ser-humano, sem importar a idade, o sexo, as preferências e afins. A simples troca, simplesmente amar e cuidar já faz toda a diferença. E é assim que o mundo vem mudando e crescendo. E que essa força seja sempre maior que qualquer sentimento de posse e intolerância.

Por nosso mundo com chocolate!!! :) 

quarta-feira, 5 de setembro de 2012

Sim sim sim!

E a vida ora se complica, ora se acalma.
Inevitavelmente vamos vivendo o acaso e seguindo o fluxo. Dançamos conforme a música da vida... E sem percebermos já estamos no meio da piXta. 
A gente se planeja... e deseja... e vislumbra... Então quando percebemos o rio faz a curva e nos deixa no meio daquele caminho totalmente oposto do que esperávamos seguir. Bom, dai tudo parece estar perdido, inicialmente (mas só parece mesmo).
A bagunça parece que é maior que a do meu quarto pela manhã - e olha que não é pouca, viu! Mas ainda assim, no meio de todo esse desnorteio acreditamos em algo auspicioso. Podemos acreditar também que já passamos por poucas e boas. E também somos assertivos em dizer que determinadas situações não nos pega mais porque sabemos como evitá-las. Mas é tudo mentira. Uma grande mentira. Não podemos evitar situações. Não podemos acreditar que só porque fazemos terapia estamos pronto para passar tranquilamente por cima de momentos indesejáveis. Não temos como evitar algumas fadigas ou inseguranças da vida. Nem muito menos podemos eliminá-las. Certas coisas temos que viver diversas vezes. Talvez seja um carma, ou talvez ainda não conseguimos aprender de verdade a mensagem por de trás das coisas. Ainda no talvez, nossas ações encadeiam essas reações. Vai saber!?
"Eu não consigo entender pessoas e como elas podem
acordar uma manhã e decidirem que alguém não é
mais importante." 
Eu estou na fase de aceitações. Aceitando que as coisas são como são. Ou tentando aceitar. Ou procurando entender, quem sabe. Para mim, tudo isso é bem difícil. Afinal, nossas vontades sempre são melhores. Nossos gostos os mais belos. E eu quero o que eu quero, não é mesmo?! Mas tenho sorte que esse privilégio não é só meu. O que é só meu são as minhas decisões de aceitar as coisas ou não. Por isso estou neste processo difícil.
Acho que a dificuldade é porque é mimo meu ou ego. Sim! Puro ego! É bem complicado.  E o que seria da vida sem suas complicações?! Ou então como EU seria sem todas essas complicações?! Acho que mais chata. E mais mimada. E mais egoísta... Ou não seria simplesmente essa pessoa aqui... 

Que as boas decisões os acompanhem :) 

quinta-feira, 23 de agosto de 2012

Homens e mulheres.....

Eu estou bem longe de ser uma mulher feminista. Mas longe mesmo. Eu acredito que cada um de nós temos um papel no Universo e por cada um sermos tão importante neste mundo é que viemos exatamente da forma que mais iremos fazer a diferença. Não há como mulheres e homens se igualarem integralmente na sociedade, pois as nossas naturezas são distintas e são essas diferenças que nos tornam especiais.
Lógico que eu aproveito e MUITO toda a expansão conquistada pelo feminismo. Não podemos desprezar a queima do sutiã. Sei que mais me beneficiei do que não. Mas sei que tenho alguns pensamentos defasados, meio fora de moda. O que importa é que estou aprendendo. 
A mulher ganhou benefícios conquistando a independência, a autonomia e todo o espaço que hoje ocupa. Mas não podemos negar que perdemos alguns fatores que ainda julgamos essenciais. Queremos trabalhar, mas não queremos dividir as contas. Queremos independência, mas continuamos dependentes do 'amor carnal' para sermos felizes. A submissão ainda é, para algumas, o caminho mais fácil. A avaliação e aprovação da sociedade ainda são os fatores que comandam as ações, e a verdadeira vontade sempre fica para segundo plano. 
Acredito que a minha geração ainda é bem sofredora. Poucos tiveram a sorte de descobrir com rapidez qual é o seu verdadeiro papel no mundo: ser feliz independente ou dependente dos paradigmas. Se te faz feliz, então que assim seja!
Toda mulher adora um cavalheiro
Ainda surge tanta dúvida, muita expectativa e poucas soluções para tudo. Estamos na fase de mutação, de adaptação, para finalmente chegar a maturação e todo o entendimento.
Todo mundo está perdido. Os homens, coitados! Ora eles tem que ser autoritários, ora nem tanto. Ora, devem exalar toda a testosterona que lhes são disponíveis... ora, eles devem ser sensíveis. É realmente complicado querer e exigir tudo e tanto. O homem ainda é machista quando lhe convém, do tipo que aceita que a mulher trabalha e ganhe seu salário, contato que não seja maior que o dele. Já que é para ser machista, sejamos por completo. Porque homens machistas exigem, mas também sabem dar e valorizar. Falo isso analisando todo um contexto do qual a ética existe, pois o poder tem a tendência de apagar a ética para alguns.
Ainda existe uma disputa de poder ou de comando talvez. Mas o que importa no final, não é quem está no comando. O que faz seguir em frente é a compreensão entre as partes, e objetivos em comum. E saber que para cada setor, tem alguém que comanda. Acredito que delegar é umas das melhores funções que existe. O essencial é aprender quais os limites de cada um, inclusive o nosso próprio limite.

Que as diferenças sejam abençoadas :) 

segunda-feira, 13 de agosto de 2012

Porque, porque?!

Eu não consigo entender como algumas vezes, no decorrer de etapas da nossas vidas, desanimamos por total. Acontece muito comigo. Tem momentos que eu estou super focada, feliz e cheia de objetivos. Sei onde quero chegar e o que eu busco para minha vida. Tenho tudo muito claro e lúcido na minha mente, contudo sempre há momentos, que vão além de um ou dois dias, que me desanimam ou me faz repensar se estou realmente no caminho correto. Confesso que isso me chateia e entristece muito. Sim! Porque fico me perguntando se estou fazendo o certo e se estou seguindo o melhor caminho para alcançar o tão desejado sucesso e a tão almejada prosperidade (seja ela afetiva, financeira e pessoal). Dúvidas e questionamentos e todas as interrogações possíveis sobre como será o amanhã, baseado sempre nas nossas atitudes e decisões de hoje. 
Dói continuar, mas fere mais ainda parar 
Creio eu que todas essas indagações sejam naturais de seres pensantes como nós, normais e totalmente compreensíveis. Mas infelizmente, mesmo sabendo disso tudo, não deixamos de nos sentir incomodados, eventualmente tristes e indecisos. Infelizmente não existe nada nesta vida que nos faça não passar por determinadas sensações. Acredito que nossas atitudes e decisões, baseadas nos princípios e verdades de cada um de nós, facilitam e encurtam caminhos, e até podem privar-nos de algum tipo de sofrimento futuro., uma vez que sabemos que determinadas idéias, independente para quem quer que seja, não funciona. 
Porém algumas situações são definitivamente inevitáveis, como esses momentos da vida cotidiana e principalmente cosmopolita da qual vivo. É... viver em grandes metrópoles nos trás mais cobranças e até mesmo frustrações. 
O mais importante de toda essa passagem eufórica e descontente é saber analisar exatamente se todas as nossas prioridades iniciais são ainda as mesmas. Se ainda buscamos as mesmas coisas que buscávamos no passado ou se devemos mudar a ordem e a posição de cada meta e objetivo traçado. Somos suscetíveis a mudanças sempre, e devemos aceitar essa mudança, afinal ela pode estar disfarçada de nosso próprio crescimento e evolução. Até mesmo os mais céticos podem mudar de opinião, não é mesmo!? 
E cabe sempre esperar essas turbulências passar para enxergamos as melhores soluções. Mais cedo ou mais tarde tudo se resolve e certamente a luz ressurge. 

Beijos convictos :)  

quarta-feira, 8 de agosto de 2012

SuperSincera

Eu sofro de um transtorno grave. Muito grave mesmo. Sofro de super sinceridade!
Isso, até certo ponto da minha vida eu achava ok. Acreditava que a verdade deveria ser dita. Doa a quem doer, custe o que custar. 
Quando alguém vem me contar algo, seja amigo ou não, conhecido ou somente de passagem, pode ser familiar ou pessoas comuns do dia-a-dia, que esbarramos e sem querer conversamos, e rola um desabafo, a Super Sincera aparece para papear também. Afinal ela é assim: surpreendente e muitas vezes intrometida também.
Não sei o que acontece com minha boca. Quando ouço algo que acredito ser errado ou injusto imediatamente acontece um estranho formigamento na boca, uma coceira na garganta... as cordas vocais começam a ficar trêmulas, mas sem nenhuma timidez. Minha língua começa a dançar entre os dentes então, repentinamente o baile se forma e.......... tcharam!! A verdade entra no ritmo e corre ao vento bem rápida. Mais rápida que o Bolt - porque a Olimpíada de Londres é agora.
Lógico que não sou a dona da verdade desta vida. Mas entendam que não sou eu. É a SuperSincera que chega de mansinho e se instala neste corpo e principalmente nesta boca.
Sempre segui da seguinte lógica: se alguém, seja lá qual for o grau de relacionamento entre a gente, vier até a minha pessoa para contar algo, é porque ela também quer ouvir algo relacionado ao tema. Então, novamente a SuperSincera sempre se faz solicita nessas ocasiões. Porque ainda, seguindo a mesma lógica, se alguém, não quer ouvir nada a respeito de determinado tema, ela deve se calar, correto?! Ok, ok! Algumas querem somente desabafar. Falar. Ser ouvida. Mas para isso as pessoas vão ao terapeuta. Lá eles dão todo esse suporte.
Tudo bem que a verdade realmente dói. Dói em mim, sabe! Então deve doer em todo mundo. Mas EU em particular, prefiro ouvir a verdade na íntegra. Mas essa sou EU! 
Sei que fiz grandes amizades incorporando a SuperSincera. Fiz mais amigos que inimigos.
Mas percebi também que, diversas vezes afastei pessoas encenando a SuperSincera.
"O bom filho a casa torna", como diz a máxima. Aqueles que são amigos de verdade, ão de retornar. Mas o distanciamento, ocasionalmente é sofrido.
Contudo, hoje mais do que nunca, vou aderir um conselho que uma amigona outrora me disse: "Mari, nem todo mundo merece ouvir a verdade!" Muito sábia essa minha amiga, que também sofre o mesmo distúrbio que eu
Realmente, muitos não merecem se quer ouvir a minha verdade. Muitos sequer não conseguem entender a minha verdade. Ou mal conseguem interpretar a verdade. Talvez não estejam preparados ainda. Cada um tem seu tempo e seu próprio jeito de caminhar.
Portanto eu peço encarecidamente, enlouquecidamente que só venham comunicar-se com esta que vos escreve quando estiverem preparados para ouvir na íntegra toda a minha opinião. Eu quero ser menos sincera. Mais política talvez. Menos crítica com certeza! E para isso preciso da ajuda e paciência de todos. Espero colaboração e total compreensão deste momento tão delicado em minha vida.
Prometo também que vou tentar avaliar melhor quem merece ou não a minha sinceridade.

Beijos sinceros :)

quarta-feira, 18 de julho de 2012

Lição do dia: Vivendo!

Você deve se amar em primeiro lugar.
Se viver o presente pode-se chamar de plenitude, então eu estou em total plenitude do meu ser. 
Se colocar a nossa mente a serviço de nosso coração, chama-se viver, então estou mais viva do que nunca. 
E ainda, se aceitar cada acontecimento e detalhe da vida como perfeito e único é dizer que isso é maturidade, então eu já estou bem velha mesmo. Mas por incrível que pareça essa velhice nada tem me incomodado ou nada tem me impedido de caminhar e seguir em frente. 
A percepção das coisas da vida, um olhar de outra perspectiva sobre todos os acontecimentos e fases que vivemos, me faz concluir que tudo acontece somente quando estamos realmente preparados para receber. Todos os presentes da vida só nos é disponibilizados, quando estamos com o coração aberto para o que realmente desejamos entre. Muitas vezes acreditamos que estamos prontos ou então achamos que queremos algo e quando as coisas não nso acontecem e fogem do nosso controle, colocamos a culpa no mundo para tentarmos entender o porque nada sai como queremos ou planejamos. Mas se observamos de verdade cada detalhe, veremos que algum detalhe não está em sintonia e por isso nada flui de acordo. 
Muitas vezes, os nossos desejos mais profundos não são exatamente aquele que pensamos ser. Nossos desejos para serem alcançados devem sair bem lá do fundo do nosso coração para que se torne realidade. 
Eu li, dia desses, que cada coisa nesse mundo tem uma natureza, como se fosse um instinto. Nós seres-humanos temos o instinto mais supreendente, a natureza do homem é tornar os nossos sonhos em realidade :)  É por isso que somos seres pensantes e racionais. Então a partir disso, tenho a certeza que tudo é bem possível. Só basta colocarmos tudo em ordem: idéias, expectativas, ações, gestos e amor.
Cada aprendizado, conquista, privação, cada gesto, cada doação são resultados de todas as nossas expectativas + ações.
Aja de acordo com suas expectativas. Aja com o coração, mas um coração apaixonado pela vida, por si mesmo e pelo que almeja. 
Aja de acordo com o que busca colher no futuro e acredite. Sempre acredite no melhor. Assim, o resultado só pode ser o melhor também. 
Ouse acreditar que Deus está no controle

quinta-feira, 5 de julho de 2012

Desejo do dia

Desejo a todos que possam, por ventura ler isso, que sejam mais feliz a cada dia.
Melhor!! Desejo que todos consigam enxergar a alegria em cada detalhe da vida, em cada gesto que recebemos e doamos.
Desejo ainda que todas ações sejam feitas com amor, e desejo amor. Muito amor porque é isso que procuramos o tempo todo: amor pelas coisas que fazemos, compramos e dividimos, amor com as pessoas que conhecemos, convivemos e aqueles que ainda vamos cruzar na vida. Amor ao pão nosso de cada dia e amor as risadas compartilhadas nos momentos engraçados. Amor à tristeza que sentimos eventualmente e que nos faz mais fortes quando mudamos nossa perspectivas. Amor ao sono que nos embeleza e nos renova a cada noite. Amor ao despertar das manhãs e começar mais um dia com a esperança que tudo será melhor.
Amor as suas escolhas e a sua liberdade. Liberdade de decisão e de arrependimento. 
O amor realmente faz a diferença e a fé faz acontecer. Então ame com fé e ame muito. Com toda suas forças.
Esse é o desejo de hoje. O de amanhã? Acredito que o desejo de amanhã será amor + paz.


Que o amor ♥ os acompanhe :) 

terça-feira, 19 de junho de 2012

Cada coisa em seu lugar

Tenho notado, cada vez mais, que todos nós estamos a procura. Em busca, seja de algo, de alguém, de uma posição social, status, conhecimento, auto-conhecimento... um lugar ao sol, dinheiro, cultura. Enfim queremos mais sempre e sempre. E para quê? Pergunto-lhes, para quê? E é com essa perguntinha mágica que começa todas as inquietudes de nossa mente tão pensativa, pensadora, pensante!!!! Os questionamentos se aconchegam de mansinho e fazem uma bela tempestade em nossos corações e cabeças. O que não seja necessariamente ruim. Muito pelo contrário. Acredito que é algo auspicioso, pois no fundo queremos o melhor, queremos evoluir, queremos ser verdadeiramente felizes.

Vamos aprender a colocar o passado para trás
Sim! Estamos todos, homens e mulheres buscando nosso verdadeiro lugar neste planeta. Porque o que antes era fatídico, hoje nem tanto! Antigamente homens e mulheres viviam numa harmonia totalmente diferentes. Muitos podem até dizer que não era tão harmônico assim. Outros já dizem que era 100%. Mas havia sim uma harmonia. Havia e ainda há a tolerância que deixa tudo mais harmonioso e previsível.
Mas o fato é que o homem e a mulher tinham papéis distintos na sociedade passada e, hoje quase nada. As coisas andam bem misturadas. Bem ao estilo Latino - tudo junto e misturado. 
O único porém disso tudo, ao meu ver, é que isso tem causado um grande frisson, uma confusão especialmente na cabeça masculina, que não tem acompanhado no mesmo ritmo o bum da independência feminina. Ao meu ver tudo não passa de ponto de vista e principalmente desapego às idéias do passado que atualmente já não são tão válidas assim. 
O que faz-se necessário, penso eu humildemente, é tornar todas nossas ações e condições mais amadas por homens e mulheres e não somente aceitas ou toleradas como tem acontecido. Porque até mesmo as mulheres que são obrigadas a assumir um papel mais ousado na sociedade, acredita que de algum modo está fazendo um mal ou deixando a desejar em algum outro aspecto da vida no modo geral. Os homens então que não gostam da postura feminina, nem ao certo sabem qual é o seu verdadeiro papel na sociedade atual, então critica ao invés de tentar se adaptar, mudar ou até mesmo se adequar.
Acho mesmo que o que mais buscamos no final das contas é o tão aclamado equilíbrio. Quando será que o encontraremos, afinal??? Tente achar o seu que eu vou buscando o meu!!!

Que o equilibrio os acompanhe :-)


sexta-feira, 8 de junho de 2012

Lição do Dia

Hoje eu aprendi exatamente isso:
Continuar bonita!


Porque me perdoem, é o que resta de melhor para o mundo. Ser bela sempre é a melhor opção, seja isso através do interior ou exterior. 
O belo alegra, cativa, transmite energias positivas, marca presença. É sempre bem lembrado e até mesmo quer ser copiado. O que é ótimo. Porque sempre queremos imitar o que nos encanta e nos faz bem!!!
Continuem assim.
Lição aprendida, lição para uma vida!! E que assim seja :)

Que toda a beleza os acompanhe sempre!

segunda-feira, 4 de junho de 2012

Qual vai ser?

E quando nada te inspira porque simplesmente tudo aquilo que envolve suas inspirações deixaram de ser tão importantes assim!?
Ok. Tudo que eu vejo, sinto, presencio, penso, faço envolve em minha inspiração. Acho que estou sendo dramática demais. Caso fosse assim, a vida teria agora deixado de ser tão esplendorosa. O que é uma mentira, uma vez que eu descobri que sou feliz simplesmente porque nasci assim. Olha que benção!!!!!
É isso mesmo: nasci assim e assim pretendo ser por longa data. Uma vez que sinto dentro de mim e de meu coração (ele nunca erra) que minha vida será beeeem longinqua.
Mas quando digo que minhas inspirações se foram, é porque hoje estou dando menos vazão às mesmas coisas e mais atenção a outras que antes nem me pareciam tão importantes. E realmente essa mudança de percepção causa um certo receio. Ou dúvida. Mas ainda sim acredito que mudanças, seja ela qual for, sempre vem para melhor. É muito otimismo meu povo!!! 
"Seja paciente. Boas coisas acontecem àqueles
que esperam"
Se 2012 é o ano de São Gabriel - aquele que anuncia coisas boas (foi ele quem  anunciou que Jesus estava a caminho!! uauuu), quem soy yo para contrariar??? Me digam?? Não posso ir contra as forças divinas! Só posso ir ao seu favor e crer :) 
Ano da auspiciosidade!!!!
Mas então porque é mesmo que minhas inspirações se foram? Então... podemos dizer diversos motivos. Mas eu acredito apensas em um: mudança! Mudança de ventos... Os ventos estão soprando em outra direção e eu estou navegando conforme o vento. Na verdade eu não sei ainda qual direção é. E sinceramente não sei se quero saber. Acho que estou pronta para o que vier. Quero deixar que o destino me surpreenda. Quero deixar que somente o melhor chegue e me dê um grande beijo e abraço de BFF (Best Friends Forever).
Então agora percebo que minhas inspirações podem ser mais e melhores.

E quais serão as suas???
Que todas as inspirações auspiciosas os acompanhem sempre :)

quarta-feira, 30 de maio de 2012

Eu tenho os livros...

Eu não sou das pessoas mais intelectos que se tem notícia entre amigos. Contudo, eventualmente tenho grande impulso por leituras. Mas como não é de meu costume ler, eu sempre quero ler livros que eu tenho certeza que vou gostar. As vezes tenho um pouco de preguicinha, entendem? Sei que vocês podem perguntar: mas como ter certeza que vai gostar do livro se não leu? Bom, pego indicações. Muitas indicações e por vezes faço com que até me contem parte da história. Se eu achar interessante, parto para a leitura. 
Porém, como eu estou disposta a mudar muita coisa em minha vida, resolvi arriscar. Lógico que também não é AQUELE risco...
O livrinho da gata que eu escolhi :) 
Conversando, me indicaram uma leitura de um título da autora Marlena de Blasi. Que é uma americana que se casou com um italiano e estão morando na Itália. Ela tem vários títulos com referencia à sua vida e os costumes italianos.Como sou descendente de italianos e adoro este país, decidi arriscar por uma de suas obras. 
Eu estou sentindo que vou me divertir com essa leitura!!
Uma ótima leitura pode nos fazer viajar, não é mesmo?! E como esse ano estou pensando em fincar mais raízes em SP, se é que me entendem, quero deixar um pouco minhas viagens em segundo plano. Quero somente viajar na literatura, nos romances e até nas biografias de personalidades marcantes e criativas que o mundo nos honrou com suas criações, aparições e ideais. 
Acho que terei muito a fazer no decorrer deste ano. Muita diversão cultural. Muita nerdice. hahahaha Porque 'Os nerds também amam'. 
Castro Alves uma vez escreveu: "Bendito seja aquele que semeia livros e faz o povo pensar." Acho bem digna essa frase. Que assim seja para todo e sempre!! hehe

Quem tiver dicas de leitura para me dar, sou toda 'olhos'!!! hehehehehe Vou adorar ;)
"O verdadeiro analfabeto é aquele que aprendeu a ler e não lê."
Mario Quintana
















Que a leitura os acompanhe :)

terça-feira, 29 de maio de 2012

Amor Amor....

E por mais que o amor sempre seja um sentimento aquém de nosso entendimento, ele pode sim tornar-se banal por muitas vezes. Digo isso porque de nada adianta tanto falar de amor se não há ações e intuito de amar de verdade e viver o amor. Somente por esse motivo ele se torna banal. Caso contrário, é e sempre será o melhor de todos os sentimentos que podemos experimentar. 
E então, ao final de tudo, conclui-se que pouco adianta sofrer. É isso mesmo! 
Agora não sei mais. Não sei ao certo sobre dedicação e disposição. Porque simplesmente tenho dúvidas sobre a banalidade do sentimento. Quando se torna banal, há dúvidas se realmente é válido.
Lógico que há dúvidas! Porque ao meu ver, acredito que somente é válido os sentimentos quando há reciprocidade. Ao meu entender, somente a totalidade dos sentimentos de todas as partes, quando existem é que realmente é válido. Afinal somente assim é possível identificar um amor que traz a paz daquele que causa anseio e questionamentos.
'talvez não seja sobre um final feliz
talvez seja sobre a história.'
Pois é assim que eu idealizo o meu amor. Um amor que traga a paz e a harmonia. Será que é possível? Ou será que são somente idéias e que passarei uma vida buscando? Sinceramente, acredito que não. Acredito em mais. Acredito que em algum lugar por aí nesse mundão, em algum cantinho e em um momento auspicioso eu irei encontrá-lo. Talvez já até tenha encontrado, mas ainda não pude identificá-lo. Acontece as vezes. Nada é impossível, nem pouco provável quando se tem a fé como aliado. 
Porque no final mesmo de tudo o que descobrimos é que o que mais importa de verdade é que temos o prazer e a satisfação de amar, mesmo que seja um amor passageiro, um amor ligeiro e intenso. Afinal, sabido foi Vinícius de Moraes quando recitou 'que seja eterno enquanto dure'.

Que o amor os acompanhe :)

sexta-feira, 18 de maio de 2012

Um olhar no passado

Engraçado quando paramos para ver os acontecimentos de um passado recente em nossa vida.
Eu hoje comecei a ver como estava minha vida no ano passado e como ela está hoje. Realmente está mudada. Mas engraçado que nenhum acontecimento importante aconteceu. Nenhum namoro, nem promoção e ou aumento salarial como desejamos, nada de mudança de casa. Nem aquele prêmio da loteria que a gente espera ganhar toda semana aconteceu. 
Como a vida da gente começa a mudar simplesmente porque passamos a pensar diferente. 
Eu andava muito desanimada mesmo ano passado. Sabe quando estamos perdidinhas mesmo?! Isso incomodava muito. Era assim que eu me sentia. Mas dai euzinha aqui, quando percebi que eu não esta como sou de costume, era final do ano. Comecei então a focar que, como o ano de 2012 estava próximo e sempre renovamos nossas energias na virada do ano, sempre existe aquela esperança do recomeço e novos votos na virada do ano, coloquei na minha cabecinha linda que 2012 iria ser um ano mega auspicioso e que tudo iria ser muito melhor e feliz. Coloquei algumas metas em minha vida, mas principalmente enchi minha mente e meu coração com muito otimismo e alegria. 
E isso tem valido como ouro em minha vida. Porque realmente me sinto e me vejo muito mais feliz! Pequeninas mudanças, alguns nãos nunca dito antes e muito amor por tudo que faço fizeram essa sensação de bem-estar, alegria e prosperidade inundar minha vida!

É engraçado como tudo pode ser muito melhor pelos simples de fato de querermos isso. Lógico que sempre todo mundo quer tudo melhor. Isso é lógico. Mas o que é mais engraçado é que vejo que muitas pessoas querem e somente querem, mas nunca mudam de postura, como um simples não reclamar ou um simples ato de gratidão. Parece mínimo, mas faz toda a diferença!!!


Trabalhe por uma causa
Não para aplauso


Viva a vida para expressar
Não para impressionar


Não se esforce para fazer sua presença notada
Mas sim para que sua ausência sentida.





ok! em inglês é mais legal... mas assim todo mundo entende! ;)



terça-feira, 8 de maio de 2012

Por favor

E por que não pedir? O que mais ouço nos últimos tempos é: "O não você já tem..."
Realmente. Pedir não dói, nem vai machucar ou ofender alguém/algo. Podemos pedir e desejar qualquer coisa. Qualquer uminha. Isso nos dá uma infinidade de possibilidades. Isso até nos dá sonhos, esperanças e até mesmo ansiedade. 
Mas eu estou falando de todo o tipo de pedido. Estou sendo até mesmo romântica em pensar nesses pedidos. Florindo sempre todas as situações, afinal estou condicionada a pensar sempre positivamente. Vai que dá certo, não é mesmo?! 
E lhes digo que dá! Tudo que eu peço tem dado super certo, dentro do possível e até mesmo do improvável. E eu peço mesmo. Peço para Deus, peço para o Universo, peço tudo. Não importa a nomenclatura que cada um dê ou como preferência que clamam seus desejos. 
Sim, sou uma pedinte. De verdade. Peço também para familiares e amigos. E como o não eu já tenho...
todo mundo merece um final feliz
Por isso eu digo: cuidado ao pedir. Tenha sempre certeza das suas escolhas. Pois elas acontecem. Cuidado principalmente nos dias de inquietude e dias não-auspiciosos. Atenção nos momentos de braveza. Podemos pedir o que não queremos de verdade. Mas fiquem sabendo que de um jeito ou de outro, demorando ou rapidamente, os pedidos sempre são realizados. 
Lógico que se o que pedimos não for exatamente o que queremos no final, um sofrimentinho ou pertubaçãozinha acaba acontecendo, mas no final tudo se ajeita. Somos seres-humanos vivendo nas complexidade e nos paradoxos da vida moderna. Acontece mesmo!!! Daí é só recomeçar tudo de novo.
Mas de qualquer forma, me sinto sempre muito agradecida por tudo. Me sinto imensamente, desesperadamente, felizmente agradecida por tudo. As vezes me sinto até uma ama, igual dos contos de Aladdin que aparece um Gênio da lâmpada: "Seu pedido é uma ordem, amo." E ainda digo mais, quando tudo acontece, me sinto super abençoada, me sinto merecedora e além de tudo, me sinto especial! Quer coisa melhor do que a gente se achar?! É! Eu sempre me acho kkkkkkkk  Mas juro que não tenho culpa. Apenas fico feliz. E talvez seja esse meu modo de expressar!!! 
Peça sempre. Seja merecedor e tenha confiança que tudo está já acontecendo conforme nossos pedidos, desejos e anseios, se assim o melhor melhor do mundo for. Portanto, faça sempre um pedido de final feliz!!! Mas peça com coração e com a confiança de um bebê quando encontra sua mamãe. A confiança que o melhor sempre virá! 

Que desejos alegres os acompanhem :)

terça-feira, 1 de maio de 2012

Falar ou não! Eis a questão...

Recentemente eu ouvi que os fracos são aqueles que falam tudo. Sem papas nas línguas. E que as pessoas fortes engolem sapos. Confesso que fiquei mega confusa. Até então, ao meu entender, as pessoas que falam tudo eu as julgo como corajosas, fortes por se expressarem.
Segundo o 'orador', pessoas que falam tudo sem pensar vivem o que falam pois as palavras ditas são jogadas ao universo. E as palavras tem poder! 
Inicialmente eu achei bem estranha essa colocação. Exatamente porque eu sou uma pessoa que engulo muito sapo. Mas não me considero fraca. Por incrível que pareça, quando alguém me diz ou faz algo que eu não gosto, me calo! E vou digerindo aquilo aos poucos até eu me esquecer completamente. E realmente o faço. Esqueço. 
Antes eu ficava brava comigo mesma por não ter dito nada. Hoje já entendo também que pouco adianta dizermos as coisas, pois pessoas só ouvem aquilo que as interessam. 
E em uma reflexão sobre dizer ou não, fundamentada sobre o que eu havia ouvido sobre engolir sapos, cheguei a conclusão que realmente é isso aí! 
A Vida é curta. Não há tempo para deixar palavras
importantes não ditas.
Comecei a perceber qual é a real mensagem disso. 
Observando amigos e conhecidos que falam demasiadamente coisas ruins, tudo acaba voltando para eles mesmo. Quando reclamam das situações, quando querem ofender o próximo para se mostrarem superiores de certa forma, tudo acaba voltando. Pois, uma vez que as palavras tem poder,  elas tem poderes sobre nós mesmos, pois somos nós quem a declaramos.
Uma das frases que mais ouço de papai é: "Temos 2 orelhas e 1 boca, exatamente para ouvirmos mais e falarmos menos!"
Exatamente por isso tudo que devemos cuidar, com todas as nossas forças, do que sai da nossa boquinha.

Que as boas palavras os acompanhem :)


sábado, 28 de abril de 2012

Morrrrrrrrrra!!!!

Sabe aquela dor de cotovelo, ódio, irritação, chateação e afins que sentimos dentro de nós mesmos e jamais podemos expor?! Vocês entendem como é isso???? No entanto a sociedade exige que temos que surgir por aí como bem-nascidos, phynos, bom-samaritano, elegantes, educados e blábláblá e jamais, em tempo algum podemos expor tais sentimentos tão horrendos para fora. Daí a gente num ato desesperador começa a ouvir Adele o tempo todo "I wish nothing but the best for you..." (Eu não desejo nada além do melhor para vocês) para ver se todo esse altruísmo e benevolência entra na cabeça.
Bom, chega o momento que EU surjo para discordar - é eu adoro esse momento. hahahaha Eu digo isso porque sempre fui super bem educada por mamãe e papai que sempre me ensinaram que não podemos falar tudo que pensamos e sentimos, pois podemos magoar outras pessoas... Todavia, atualmente, eu uma mulher que já viveu quase 3 décadas, pode exprimir aqui, neste espaço de entretenimento and na real life suas idéias e ideologias. 
Basta! T-U-D-O tem um limite. E o limite chegou! - como já dizia mamães com seus pequenos peraltas do Brasil afora.
Não dá para ficarmos por aí com esses sentimentos reprimidos. Eles devem sim serem  exteriorizados de nossos corações, dos nossos corpos, mentes e almas para que então possam ir embora para todo e sempre, amém!!! 
Yin-Yang
Não existe essa de tentarmos querer somente o bem de tudo e de todos. O Yin-Yang está aí para provar isso. E quem sou eu para divergir??? (ok! confesso que só discordo do que me convém).
As vezes por mais que queiramos ser e fazer o bem, temos que passar por provações e até agradecermos que o ruim existe para escolhermos o caminho que queremos seguir. Por vezes somos obrigados a sentir e até expressar algo não muito convencional para que possamos aprender, crescer e termos a certeza que o tudo isso existe sim por aí por infinitos motivos, causas e circunstâncias e exatamente por termos a honra dessa vivência toda, sabemos olhar para o próximo sem grandes surpresas ou julgamentos errôneos. Podemos ver mais a fundo das situações e até mesmo ajudar aqueles que clamam por isso.
Expresse-se sempre. Não tente ser algo que você não é. Seja original, afinal uma cópia sempre é desvalorizada. 
Mas não faça com que isso tome conta de todos os seus sentimentos. Faça o que deve ser feito. Fale o que deve ser dito e para quem precisa ouvir talvez. Mesmo que ninguém escute. Depois disso, siga em frente. 
Faça sua vida continuar. Viva! Viva muito!!!
Liberte-se e principalmente desapegue-se do passado. Somente assim você terá um futuro cheio de novos momentos e novos sentimentos.

Bom, eu quero mais é viver!!! E você????

Que uma ótima vida os acompanhe :) sempre!

quarta-feira, 25 de abril de 2012

Querer e querer....

Em algumas ocasiões realmente a primeira impressão é a que fica. E para tanto, temos que sempre impressionar. Estarmos dignos (as) de determinada ocasião. Badalar e fazer carão. Babado, né pessoas!!!
E acima de tudo temos que dar o nosso melhor para assim conquistarmos o tão almejado. Mas será que isso é realmente válido? Mesmo para negócios e afins? 
Sinceramente acho que não. Não mesmo. Perceba, se você tem que sempre se vestir bem para impressionar e não por uma vontade própria, um belo e auspicioso momento isso lhe cansará tanto que por mais esforços que haja para tal, nada adiantará pois acontecerá um desgaste tão grande por tentar impressionar algo ou alguém, e não a si mesmo, que somente transparecerá o interior cansado e infeliz de não agradar a si mesmo e então nada nem ninguém será impressionado. Um triste final.
Gaste sua vida com quem te faz feliz, não com
quem tenha que impressionar. 
Fazemos e fazemos por merecer, acreditamos que temos que estamos destinados a sofrer ou então cremos que  devemos penar para conquistar algo. Outra coisa que não acredito 100% não. Acredito que temos que ponderar isso. Muita coisa sim é preciso de perseverança. Outras, nem tanto. O X dessa questão (não do Eike Batista) é saber ponderar isso! Mas insisto que o coração sempre sabe responder essas incertezas. 
Tentar e insistir naquilo que se deseja somente por mimo, porque a sociedade acredita ser bom, ou simplesmente porque eu coloquei na minha cabeça "que eu quero e pronto", nem sempre é perseverança. Me desculpe. E por tanto, não vejo como um mérito. Não vejo como um caminho cheio de obstáculos, percorrido e conquistado com louvor. Encaro como puro e um fadado mimo que temos sobre nós mesmo. 
O mimo, ao contrário do que se imagina, não vem de fora - mãe, pai, tia, tio, avós e afins. Vem de dentro de nós mesmos. Quando queremos pura e simplesmente agradar o nosso ego. Quando queremos realizar algo pelo simples gostinho da conquista, do vencer. Lógico que sempre queremos ganhar. Mas isso não quer dizer que iremos ou que devemos. Jogar bonito, no estilo Nike sempre é a melhor opção, assim ficará mais fácil de saber quando parar também.
Devemos observar as situações e circunstâncias sob várias perspectivas para termos a certeza que não estamos desperdiçando nossas vidas. E sim vivendo cada momento que deve ser vivido. Acredito que assim fica mais difícil adiar a tão desejada felicidade. 

terça-feira, 10 de abril de 2012

É preciso SER!

"Realidade é errada. Sonhos são reais."
Preciso me expressar, de novo! Estou ♥ amando um homem morto. E é sério. Cada ideologia, cada pensamento, o proposito de vida. Ok, não é amor. É admiração, é isso! Ufa!! Se bem que meu coração é bem grande.............. hahahahahaha eu quis dramatizar mesmo .) 
Eu sempre ouvi sobre e escutei musicas do Tupac Shakur ou 2Pac ou somente Pac - como seria para mim se o tivesse conhecido, íntima do moçinho. Bom, daí domingão de Páscoa, depois da missa, estava eu em casa totalmente despretensiosa quando vejo que um filme documentário sobre a vida do rapper passaria. E como eu ADORO saber a história da vida das pessoas, principalmente aquelas vidas únicas que fizeram e mesmo depois de mortas ainda fazem diferença neste planeta, decidi assistir. Assim como quem não quer nada até as 2:00hs da madruga. Mas foi tão legal que nem sono eu tinha. O filme Tupac - A Ressurreição é um documentário narrado pelo próprio protagonista. A impressão que dá mesmo é que ele narra sua vida e morte, depois de morto. Acreditam nisso?! Mas é isso mesmo. O mais interessante é que ele, já imaginava o que aconteceria em sua vida desde sempre e como ele mesmo declara: virou profecia. Então idealizo que o mesmo tenha deixado tudo pronto para quando o 'granfinale' acontecesse. 

Bom, ele ainda ressalta no longa que diversas vezes foi imaturo e agiu imprudentemente. Não foi nenhum bom menino. Nem tenta mostrar isso. Tupac se julga verdadeiro. Falou demais. Ah! Como ele falou demais. Que boca imensa que ele tinha. Uma língua quilometrica.
Mas tenho a certeza que por essa qualidade de ser um verdadeiro linguarudo, um tagarela, nos termos de mamãe, que o fez ser o que ele foi. E chegar onde ele chegou. E conquistar as pessoas. E compor músicas. E fazer fama. E ser preso dezena de vezes. E fazer mais músicas ainda. E ainda percebo que foi esse adjetivo que alguns julgam errado, o fez fazer toda a diferença no mundo. É assim que eu o vejo hoje. E é dessa forma que eu o admiro. 
Admiro pela força de vontade de querer mudar o que está errado. Admiro pela ideologia de querer um mundo mais igualitário, em defender com todas as forças aquilo que acreditava ser certo. E é tudo isso que sinto que falta na atual geração. Uma geração mais acomodada, conformada com o sistema, conformada com as injustiças políticas, sociais, culturais. 
Essa determinação desde jovem em querer conquistar o inconformismo das pessoas para assim ter poder e a chance de fazer a diferença me fascina de verdade. E é disso que estou falando. Dessa única qualidade. Desta única ambição.
Ele não foi nenhum bom menino, mas tocou corações e conseguiu passar para muitos a mensagem que acreditava importar. Quisera eu ter toda essa capacidade! Quisera eu ter toda essa coragem. Quem sabe?! Ainda tenho esperança e principalmente fé.

"Você tem que ser capaz de sorrir para toda essa 'palhaçada'."


















Que a alegria os acompanhe :)

segunda-feira, 9 de abril de 2012

Entre interrogações, pontos finais e exclamações

E o que acontece quando começamos a questionar todas as nossas vontades mais profundas? Aquelas vontades e desejos que sempre foram permanentes em nossos corações? Será que os sentimentos mudaram? Será que a Mari mudou? Ou será simplesmente um curso natural com o decorrer do tempo? 
Realmente são muitos questionamentos que não podemos respondê-los de imediato. São diversas interrogações que teremos que aos poucos trocá-las por ponto final. 
"Deixe seus sonhos serem maiores que seus medos e suas
ações falarem mais alto que suas palavras."
Mas no transcorrer dessa troca, quando será que saberemos o que fazer de fato? E dai começam todas as perguntas novamente. Ou seja, uma bola de neve, inicialmente. Mas não. Pois no melhor momento saberemos quando ir a diante ou quando parar de nos questionarmos.
Certamente uma resposta eu já tenho: a Mari mudou. E muda sempre também. Como já dizia Clarisse: "Sou sempre eu mesma, mas não serei a mesma para sempre."
Bom, só de saber disso, parte da minha alma já está mais feliz hoje do que ontem. Porque quando vale a pena e para quem vale a pena, nós mudamos inevitavelmente.
Mas que todos esses questionamentos nos fazem pensar e repensar, ah!! isso fazem. E não é pouco. Mas fiquem sabendo meu povo, de nada adianta muito pensar e nada fazer. Digo isso por mim mesma. Tenho questões pendentes em minha vida que penso, penso e penso mais. E dai penso de novo e não consigo achar um ponto final ou tomar alguma decisão significativa para que aquele incômodo se dê por fim. E isso por muito, é cansativo, entendem?! Porém uma coisa que eu já falei aqui e volto a repetir: talvez não seja ainda a hora certa de uma resolução. Se nosso coração ainda não soube direcionar para que lado devo caminhar, é porque simplesmente não chegou o momento e tenho que conviver com isso por mais tempo. Para que, pergunto eu novamente. Para que??????? Espero e torço a todo momento que seja para meu aprendizado, crescimento e para meu bem. Tudo para o meu próprio bem. Que somente assim alcançaremos o tão sonhado êxito!
Mas dentre interrogações e pontos finais, estou convicta que não me cansarei de exclamar por luz e sabedoria! Porque é preciso sonhar para podermos alcançar. É necessário pedir, lutar, enfrentar, ir atrás para conseguirmos conquistar. E para vencermos a tudo isso é preciso coragem. Muita coragem. Coragem até mesmo para mudarmos de idéias, para questionarmos e efetuarmos trocas. Qualquer tipo de troca. Inclusive as que vem do coração.

Que a coragem os acompanhe :) 

quarta-feira, 4 de abril de 2012

Humildemente quero dizer

Na humildade....
Esta aí uma coisa que gostaria de ser: mais humilde. Além de mais bondosa.
São adjetivos que eu acredito que faltam nesta simples pessoa! Mas sonhar não custa nada não é mesmo?! 
E afinal de contas, o que posso fazer se simplesmente não sou assim?! Tentar mudar é uma das alternativas, mas lhes digo: como é difícil!
Humildade demonstra sabedoria para aceitar pessoas, situações adversas, pensamentos...  Pesquisando no Wikipedia encontrei exatamente isso: "Humildade vem do Latim humus que significa "filhos da terra". Refere-se à qualidade daqueles que não tentam se projetar sobre as outras pessoas, nem mostrar ser superior a elas. A Humildade é a virtude que dá o sentimento exato da nossa modéstia, cordialidade, respeito, simplicidade, honestidade e passividade. A humildade dos que vivem na pobreza, pode ser vista, pelos ricos, como uma fraqueza ou maneira de promover reverência e submissão das classes populares... Por humilde também se pode entender a personalidade que assume seus deveres, obrigações, erros e culpas sem resistência. Assim, se pode dizer que a pessoa ou indivíduo 'assume humildemente'". 
Ah! como acredito que tudo isso é perfeito!! E ainda me deparo com tal frase: " A primeira prova da grandeza de um homem é a sua humildade."
Efetuando uma auto-análise, realmente já mudei muito. E para melhor, acredito. Diversos pontos em mim mesma que eu considerava brega, fora de moda e totalmente retrógrado já se foram e hoje sou muito mais moderna e jovial no meu modo de agir e ser.
Mas chegar a esse tão esperado humilde desejo de ser assim, ainda não me é cabível. Falta uma bela caminhada - e bota caminhada nisso!
O que ainda não foi mudado, é porque é realmente muito difícil. Vai além das minhas capacidades. Por ora, que fique claro! Porque ainda não desisti, afinal sou brasileira. A única coisa que faço em relação aos meus adjetivos menos favoráveis são aceitá-los dentro de mim e conviver alegremente com eles que fazem parte de mim. E tudo que está relacionado a essa pessoa que vos escreve, eu AMO!!! Afinal, como já citado anteriormente em outro post aqui neste endereço virtual, descobro a cada dia que cada um de nós somos especiais ao nosso modo. Independente de qualquer qualidade ou defeito. Outra observação que acho super relevante citar, para eu me recordar sempre, é que já que somos especiais ao nosso único modo de ser , não há necessidade de provar a todo custo que podemos mais. Nós, em nossa unicidade já somos tudo de com.com.
Entendo que, o que não rola é ficar numa cobrança sem fim comigo mesma. Isso só me causaria stress, rugas e cabelos brancos que ainda não deram sinal de vida em meu corpinho - porque isso não me pega! Obrigada Senhor! hahaha
Tem coisas na vida que é melhor simplesmente aceitarmos por enquanto. E com o tempo, se houver mesmo uma grande necessidade, se houver mesmo um enorme desejo de mudança, essa mudança simplesmente acontece, do mesmo modo que a noite vira dia e vice-versa.


Que seus desejos os acompanhe! :)

quinta-feira, 29 de março de 2012

Um lance, um romance... enfim!

E o romantismo paira no ar. Na verdade, o romantismo envolve o ar, a alma, os pensamentos e todas as atitudes. Como é belo ter pensamentos sempre positivos e otimistas sobre toda e qualquer situação, mesmo que a mais difícil for. 
E eu ando tão romântica. Tão envolvida em tornar tudo mais belo... sabe tipo: Deixa eu te mostrar que meu amor é belo! hahahahahaha
E isso tem acontecido não apenas porque estou apaixonada. Claramente percebemos que ajuda. Mas não é a solução dos mundos. Mesmo porque essa parte da minha vida (a amorosa mesmo) é um tanto quanto complicada. De verdade. Não é charme não. Mas deixemos isso de lado, por ora. 
Imagem apaixonada do dia: curtição entre amigos
Apesar que acabou de me ocorrer que estar apaixonada poder ser por uma infinidade de coisas. Podemos nos apaixonar por um dia que vivemos, ou até uma situação - acredito que essa seja a mais frequente, e a queremos reproduzi-la sempre, muitas vezes sem sucesso. Podemos nos apaixonar por uma foto, por atitudes que as pessoas tem para conosco. Por dizeres (a minha frase apaixonada de hoje é estilo Devassa: Aqui se faz, aqui se bebe). Ainda existem paixão por lugares que frequentamos. E não vamos esquecer dos bens materiais, roupas, objetos, acessórios, ambientes e afins. Paixão por familiares e amigos. Paixão mesmo, não amor. Porque há períodos que estamos mais com uns do que com outros... E dai é a paixão de querermos estar agarradinhos. Porque apaixonar-se, podemos todos os dias. Por vários motivos e isso é perfeito. É um lance. E daí, se torna uma poesia: Um lance é um lance. Um lance não é um romance. E a vantagem do lance é que pode ser cada dia um e então podemos mudar sempre. Mas o lance não deixa de ser romantico. Porque o exato momento do lance é especial. E assim o romance não se perde e então  nos reinventamos e nos recriamos. Portanto não corremos o risco de enjoar. De cansar. Não existe o desgaste. Nem a mesmice. Pois existirá sempre a inspiração dos românticos para novas idéias e surpresas. Confuso?! C'est la vie! (É a vida!)

Que o romantismo os acompanhe ;)

terça-feira, 27 de março de 2012

Verdades sobre a mentira

Porque, ainda nos dias tão modernosos como os que vivenciamos, caímos no questionamento de mentir ou não?! 
Eu ODEIO com todas as minhas forças a mentira. No entanto, me vejo ocultando verdades - porque mentir é pesado demais. E eu não minto, primeiro porque não consigo sustentar uma mentira e depois, simplesmente não sai da minha boca uma mentira. Mas ocultar detalhes, em alguns casos, eu faço. E atire a primeira pedra quem não tem teto de vidro.
Nos dias atuais, com tanta independência de nós seres humanos, com tamanha expressividade, temos ainda tanta força no falar e agir por sermos ouvidos e assim, conseguimos fazer toda a diferença no mundo, ainda nos prestamos a esse tipo de papelão!!! Acho isso o fim de carreira. E o pior é que acontece. E não é pouco.
Mentimos para não causar (o que achamos que será) o sofrimento alheio, ou então para poupar determinadas situações. Ou ainda para não nos colocarmos em situações difíceis. Mentimos porque sabemos que muitos não suportariam a verdade, mas dai interrogo: para que perguntar? Mentimos também porque estamos confusos. Mas mentimos. Mentimos porque somos egoístas e pensamos somente em nós mesmos. Mentimos para, quem sabe, facilitar algumas acasos. Mentimos e ponto.
Grandes ou pequenas, mentiras são mentiras.
E uma verdade lhes digo: um erro nunca deve justificar o outro. E isso é o que mais acontece. Vejam bem: para toda mentira existe um porquê. Para toda estorinha contada diferente existe uma explicação muito boa, justa e sincera. Dá para acreditar nisso?! Sincera!!! Muito sincera, honesta... íntegra. Isso sim é um paradoxo, não acham?! Até me confundi agora...
Já até li uma reportagem na Superinteressante falando sobre a verdade. Um repórter passou meses falando somente a verdade para fazer a reportagem e no final ele tinha pouquíssimos amigos. Mas os sinceros. Diz-se que é dolorido também falar a verdade. Mas certamente menor hoje do que a dor do amanhã quando tudo já ficou numa proporção bem maior. 

Por isso hoje sou adepta a mais um dos pensamentos inspiradores: "Magoe-me com uma verdade, mas nunca me conforte com uma mentira." Não sei quem é o autor, mas é conhecido. 
Mentir para facilitar a nossa vida, resulta em desrespeito com o próximo. E porque será que sempre mentimos para os que mais amamos?! Outro paradoxo? Ou puro egoísmo?

Que a verdade os acompanhe :) sempre...

quarta-feira, 21 de março de 2012

Positividade

Eu já li algumas coisas sobre Mahatma Gandhi. Algumas coisas bem negativas à respeito dele. Mas como dizem por aí, sempre há diversas versões para uma história. E quando se trata de política, então... vamos colocar pelo menos umas 5 versões para cada. Mas o que de fato importa aqui é o bem que ele fez. Ao meu ver ele passa muito mais uma imagem positiva do que negativa. O homem foi o 'muso inspirador' de grandes movimentos e gerações, incluindo Nelson Mandela e Martin Luther King (os quais acho ambos sensacionais). 
Extraindo coisas boas de tudo e de todos, Gandhi sempre tem uma frase, ou texto que nos faz refletir. Ele sempre tem algo positivo para nos mostrar. Algo inteligente para passar para o mundo. E hoje eu li, em diferentes lugares, dois dizeres dele.
Uma se encaixa perfeitamente com o blog: "Aprenda como se fosse viver para sempre. Viva como se fosse morrer amanhã." 

O outro, eu extrai de um blog que estava navegando. Está em inglês. Mas farei uma tradução livre...

Mantenha seus pensamentos positivos
porque seus pensamentos se tornam
suas palavras.
Mantenha suas palavras positivas
porque suas palavras se tornam
seu comportamento.
Mantenha seu comportamento positivo
porque seu comportamento se tornam
seus hábitos.
Mantenha seus hábitos positivo
porque seus hábitos se tornam
seus valores.
Mantenha seus valores positivos
porque seus valores se tornam
seus destinos.
                 - Mahatma Gandhi




Que a positividade os acompanhe, sempre :)