quinta-feira, 18 de outubro de 2018

Vamos nos expressar? SEM MEDO!

Eu ando tão reflexiva nessa atual conjuntura política que somente agora me dei conta que ando me expressando muito pouco!

Nos expressarmos é bom! Muito bom.
Alguns acreditam ser um preço alto a se pagar quando nos posicionamos pois somos constantemente julgados, difamados (somos muitas vezes somos pouco compreendidos), excluído das redes sociais - que não há como negar nem menosprezá-las, fazem parte da nossa vida e tem um peso muito grande nos dias atuais. Somos apontados e rotulados. 
Como seres-humanos que tem a necessidade do afeto e vivemos em sociedade, não queremos criar inimizades e por isso acreditamos ser caro o preço que se paga por opinarmos, pensarmos e nos posicionarmos.

Eu cada vez mais penso que não é bem por aí. Quando opinamos e acreditamos em algo é porque de alguma forma - falo das pessoas de bem - vemos aquilo como algo positivo. Pode não ser a formula de sucesso para todos, mas existe, na raiz do pensamento, algo positivo, algum amor.

Sabemos que do amor viemos, por amor vivemos e para o amor é que vamos em frente. Desde o início até o final, tudo é amor! Buscamos o amor, queremos ser amados e dar amor. 

Quando estamos de alguma maneira nos expressando conseguimos não somente influenciar pessoas (seja positiva ou negativamente) mas também segregar. Conseguimos expandir nosso pensamento para criar idéias e deixar fluir novas ações e atitudes. 

Quando segregamos pessoas percebemos que quem realmente importa fica, quem quer dialogar e discutir saudavelmente também fica. Quem quer entender outros pontos de vista, juntar e pegar aquilo que lhe serve, para então poder tirar suas próprias conclusões ou criar novas, também fica. 

O que é ótimo! Queremos nos relacionar com pessoas como nós, que aceitam idéias, que saibam discutir sem agredir, que se abrem para mudar porque também nos abrimos para mudanças. Ninguém é imóvel e nem devemos permanecer imóveis, intactos. 

Certamente estamos aqui para aprender e crescer, caso contrário seríamos luz e só daríamos luz e isso só acontece com quem já aprendeu tudo de tudo. Nunca conheci ninguém assim, mas espero um dia chegar lá! hahaha

Houve tempos que já tive preguiça de me posicionar e me expressar por 'medo' da retalhação. Do julgamento. Das inimizades. 

Hoje quero mais deixar isso fluir. Acredito que quanto mais me expresso, mais me cerco do que vale a pena para mim, de quem importa. 

Nossos valores são individuais, pessoais e as vezes transferíveis para quem busca mudanças. Acredito que podemos ajudar aqueles que precisam/querem mudar.

Me sinto de fato realizado quando ajudo pessoas nesse sentido. Quando mudamos internamente, nossos sentimentos, pensamentos e atitudes tudo se torna possível. A mudança vem dessa essência de valores os quais são criados e podem ser talvez transferidos com conhecimento e estudo, aprofundamento, auto-conhecimento, expansão de ideias. E para tudo isso é preciso imprimir nossas opiniões.

Sejamos fortes todos fortes e desafiadores para aceitar o novo e ouvir novos pensamentos! :)